Algumas coisas que você gostaria de saber…

Imagem

 Por que é impossível fazer cócegas no próprio corpo?

Pessoas são incapazes fazer cócegas no próprio corpo (propositalmente) porque o cérebro prevê seus movimentos antes que eles aconteçam, excluindo a sensação de perigo e pânico que provoca as cócegas. Quando alguém nos cutuca, o corpo reage, tornando-se tenso. Já quando tocamos o próprio corpo, ele não demonstra reação. Algumas pessoas nunca o contraem pelo toque de outros e portanto não sentem cócegas. Resultados de pesquisas feitas por um grupo de cientistas da Universidade de Londres indica que o cerebelo é o responsável pelo monitoramento dos movimentos, impedindo a reação.

 Por que o dente dói com água gelada?

Sentir dor no dente quando ingerimos algo muito gelado, como um sorvete, por exemplo, é algo que muita gente já sentiu. Para pessoas com dentes sensíveis, tomar algo gelado pode ser mais doloroso ainda. A sensação de dor se dá quando o frio daquilo que ingerimos atinge a polpa dos dentes, onde estão localizadas as terminações nervosas. Dessa forma, o sistema nervoso central, como uma forma de alertar e sinalizar que aquela situação não é adequada, provoca a dor. Pessoas com cáries sentem dor ao ingerir algo gelado de uma forma bem mais freqüente. Isso se dá pelo fato de que as bactérias destroem o esmalte do dente, um importante isolante térmico. A retração da gengiva também deixa a raiz do dente mais exposta, deixando sua polpa mais vulnerável às mudanças de temperatura.

 Por que Japoneses tem olho puxado?

Na verdade os olhos dos orientais (e não exclusivamente dos japoneses, como também de chineses, coreanos, tailandeses, etc) não são “puxados” e sim a pálpebra é mais lisa, e não curva como nos olhos ocidentais. O sulco palpebral superior, geralmente bem definido e cerca de 7 mm acima da linha ciliar nos ocidentais, está ausente nos orientais. Esse sulco torna-se mais evidente ao se abrir os olhos. Há nos orientais o aspecto amendoado com elevação do canto lateral. A pálpebra inferior é caracterizada por excesso de gordura orbital, gordura pré-tarsal (porção posterior) e excesso de pele na parte medial. Essas características provavelmente decorreram de um processo de seleção natural, ja que os olhos orientais são mais adequados para proteção contra o frio rigoroso. Possivelmente as populações que conseguiram fixar residência ao leste do Himalaia primeiro tinha forte tendência nesse perfil, e que se manteve com o passar dos séculos. Além disso, esse traço deve ter sido uma vantagem para os habitantes de regiões frias, pois sua função é parecida com a dos óculos dos esquiadores, que possuem um visor em forma de fenda para reduzir a luminosidade refletida pela neve. Isso parece lógico, já que os mongolóides, que têm essa característica, surgiram de uma área gelada no norte da Ásia, há cerca de 10 mil anos. Como a imensidão branca das regiões frias reflete muito a luz solar que chega à superfície, quem mora nesses lugares pode ter problema de vista a longo prazo – desde cegueira momentânea até certos transtornos de retina -, o que explicaria a predominância dos olhos puxados na seleção natural. Há diferenças entre os diferentes padrões (chineses, coreanos, japoneses) mas que são sutis para os olhos ocidentais.

 Por que a água do mar é salgada?

Taí uma questão que intriga um monte de gente. A explicação todinha para esse mistério salgado está no ciclo da água no planeta, o que a gente explica em detalhes no infográfico abaixo. Antes disso, vale lembrar que o cloreto de sódio – o nome químico do popular sal de cozinha – não é a única substância dissolvida nos oceanos. Na água do mar também há cloreto de magnésio, bicabornato de cálcio, sulfato de magnésio, sulfato de cálcio e cloreto de potássio, entre outros. O sabor salgado do cloreto de sódio acabou predominando porque a substância é, de longe, bem mais abundante que as outras.

 Por que cortar cebola nos faz “chorar”?

O fato de nós chorarmos quando cortamos uma cebola torna essa uma das atividades mais desagradáveis da culinária. Mas por que isso ocorre? Bem, as células da cebola são formadas, entre outros componentes, por sulforetos e enzimas, no entanto, esses dois componentes não se misturam. Quando cortamos a cebola, rompemos suas células, fazendo com que esses elementos se misturem, originando uma substância chamada de ácido sulfénico. O ácido, por ser volátil, se transforma em gás. Quando esse gás entra em contato com os nossos olhos, constantemente úmidos, o mesmo reage e se transforma numa solução fraca de ácido sulfúrico. Em virtude disso, nossos olhos se irritam e produzem mais lágrimas para diminuir os efeitos dessa substância.

 Como é feito o leite em pó?

O Leite em pó é uma forma moderna de consumo de leite, que desidratado, tem sua longevidade estendida. O leite em pó é feito a partir da secagem do leite comum. Para extrair a água, que compõe cerca de 90% da massa do leite, as fábricas fazem-na evaporar num processo lento, que não estraga as proteínas do produto. Primeiro, o leite escorre em paredes metálicas verticais aquecidas a 77 °C, porque o líquido não pode ser fervido. Nessa etapa evapora até 50% da água, e o leite fica pastoso. O produto concentrado segue então para uma máquina que borrifa minúsculas gotículas contra um jato de ar quente a 180 °C. Um rápido contato é o suficiente para fazer com que o restante da água evapore, e as gotículas de leite se transformem em grãos de leite seco. Então o leite é separado em diferentes fases: flocos, granulado e pulverizado. Este leite em pó pode apresentar-se com diferentes teores de gordura, conforme o leite utilizado tenha a gordura natural do leite, seja parcialmente desnatado ou seja magro. De qualquer forma a protéina do leite em pó é a mesma que no leite líquido, com valores próximos de 30 – 35%, o que faz um alimento extremamente interessante. 1kg de leite em pó, adicionado com água, permite obter 6-7 litros de leite recombinado.

 Como o milho vira pipoca?

Imagem

Todo grão de milho tem três partes: o embrião, onde fica o material genético, o endocarpo e o pericarpo, compostos principalmente de amido e água. A diferença do milho de pipoca é que ele tem menos água (cerca de 14,5%) do que o milho verde e seu pericarpo tem uma casca quatro vezes mais resistente que a dos milhos que usamos para comer e fazer canjica. Ao colocar a pipoca na panela ou no microondas, o calor faz com que a água de dentro do grão se transforme em vapor, que tenta sair e empurra a casca do pericarpo. Ao mesmo tempo, o amido, antes sólido, começa a virar uma espécie de gelatina, aumentando de tamanho. Somadas, a pressão do vapor d’água e do amido chegam a 10 kg/cm2, cinco vezes mais que a de um pneu de carro! A pressão é tanta que a casca estoura! Em contato com o ar, o amido gelatinizado se solidifica e se transforma na espuma branca que comemos. Quando o pericarpo tem rachaduras ou é pouco duro, o vapor d’água escapa, a pipoca não vinga e surge o piruá. Outro motivo para a pipoca não estourar é quando o grão tem água a mais ou a menos na composição.

 Como cai a neve?

A neve é uma forma de precipitação. Tudo começa quando o ar quente do solo, mais leve, encontra um ar mais frio acima e pode condensar o vapor d’água contido na forma de gotículas ou cristais de gelo, formando as nuvens. As gotículas ou mesmo os cristais, estando em contínuo movimento dentro de uma nuvem, colidem entre si, formando gotas maiores ou aglomerados de cristais, que podem cair na forma de chuva ou neve, respectivamente, dependendo da temperatura do interior da nuvem e das condições atmosféricas durante a queda. A neve se forma quando, nos níveis de nuvens em que ela tem origem, a temperatura chega abaixo de 0°C, transformando o vapor d’água em cristais de gelo ou flocos. E é desta forma que ela cai. Mas se a temperatura entre a nuvem e o solo estiver elevada – acima de 4°C – a neve se derreterá durante a queda e se transformará em chuva. Quando a temperatura estiver na faixa entre alguns poucos graus negativos até 4°C, a neve cairá em grandes flocos, porque os flocos menores se combinam. Muito abaixo de de 0°C, os flocos são pequenos. A neve recém-caída é branca e brilhante e de alto poder refletor, enquanto a que já caiu há algum tempo apresenta um tom amarelado. A neve acumulada sobre o solo conserva a temperatura dele mais elevada do que se o chão estivesse descoberto. Assim, em regiões agrícolas, ela protege as raízes das plantas, evitando o congelamento. Nas regiões de montanhas, a neve é importante para manter ou engrossar o fluxo dos rios, pelo seu degelo gradual, na primavera e verão.

 Como se forma o arco-íris?

Imagem

O arco-íris é formado quando a luz do sol ( branca) é interrompida por uma gota de água que vem da atmosfera, fazendo com que uma parte da luz do sol seja “jogada” para dentro da gota de água, reproduzida no interior dela, e depois “jogada” novamente para fora da gota. Essa luz branca do sol é consequência de uma mistura de cores. Quando a luz passa pela gota de chuva, por exemplo, a refração da luz vai voltar em várias cores, como: violeta, anil, azul, verde, amarelo, laranja e vermelho, que são as cores do arco-íris, por isso que quando se tem chuva e sol, dizemos que irá se formar o arco-íris. O arco-íris é considerado uma miragem, ou seja, ele não existe. Sua posição vai depender da posição em que a pessoa que está observando. Alguns cientistas afirmam que possa existir outro arco-íris, fora do arco-íris principal. Isso acontece quando acontece uma reflexão dupla da luz solar nas gotas de chuva.

 O que é o soluço e por que ele aparece?

O soluço é uma respiração com espasmos provocada pelo súbito fechamento da glote (abertura localizada na laringe, que serve de passagem de ar para os pulmões) junto com uma contração repentina e involuntária do diafragma, músculo que separa o tórax do abdome e está relacionado à respiração. Normalmente, o soluço não causa problemas para a saúde e desaparece espontaneamente em alguns minutos. Segundo o médico Tarcísio Mota, até mesmo os bebês no útero podem ter soluços. “O soluço pode aparecer quando você come muito rápido, porque engole ar junto com a comida, ou quando enche o estômago demais e acaba irritando o diafragma”, disse Mota.

 Por que, de repente, as orelhas ficam “mais quentes”?

Porque tem uma grande rede circulatória e uma pele bem fina, o que deixa mais visível o sangue que passa por lá. Por isso, basta à pessoa ter um aumento da espessura dos vasos sanguíneos para a coisa “esquentar”.

 Por que o corpo todo dói, quando resfriamos?

É um efeito colateral dos componentes químicos que o corpo mesmo gera, com a função de proteger o organismo e combater infecções do resfriado ou gripe.

 Por que urinamos mais no inverno?

Porque o corpo transpira menos, e é necessário liberar os líquidos presentes no corpo, então urinar mais se torna outra forma de liberar os líquidos acumulados no organismo.

 Por que quando os machucados estão sendo cicatrizados, coçam?

Na verdade, a coceira faz parte do processo final da cicatrização das feridas. As cascas são apenas crostas de sangue ressecadas. A maioria dos médicos acredita que, durante a cicatrização, algumas fibras nervosas que servem de mediadoras, tanto para a dor quanto para a coceira, ficam irritadas e inflamam, causando a coceira. Em feridas profundas, causariam dor.

 Por que o estômago faz barulho?

É quando sentimos cheiro ou imaginamos um alimento, e o cérebro manda uma informação para que o organismo se prepare para receber o alimento. O barulho que escutamos é provocado pelo estômago e intestino delgado, que passam a se contrair e relaxar várias vezes, no chamado movimento peristáltico. Esse movimento provoca a agitação dos gases e líquidos contidos em seu interior, resultando no “ronco” do estômago.

 Por que trememos quando estamos com frio?

Exatamente para nos aquecer. O cérebro manda uma mensagem para nossos nervos, ordenando que os músculos se movimentem para que assim o corpo se aqueça.

 Onde pode acontecer terremotos em massa?

Perguntas curiosas

De acordo com os geólogos, há várias zonas onde a terra armazena energia perigosamente: Vale do Mississipi nos Estados Unidos; Norte da Turquia e Nepal.

 Até que profundidade os peixes podem viver?

Perguntas curiosas

A maioria habita uma zona chamada fótica, que não passa de uma profundidade de 200 metros mas em 2008 um grupo de cientistas da universidade britânica de Aberdeen explorava com um submergível uma fossa marinha no Japão, quando encontraram a uma profundidade de 7.7 quilômetros uma colônia de Pseudoliparis amblystomopsis nadando tranquilamente.

 Como fazem as borboletas monarca para se orientar?

Perguntas curiosas

A resposta está em sua cabeça. De acordo com pesquisas da Universidade de Massachusetts, uma molécula chamada Cry2 (localizada nas antenas), permite com que “sintam” os pólos magnéticos, orientando seu vôo no eixo Norte-Sul. Outro tipo de moléculas, também nas antenas e sensíveis à luz solar, permite a orientação sobre o eixo Leste-Oeste.

 Que aconteceu com o buraco na camada de ozônio?

Perguntas curiosas

Estima-se que em poucos anos o buraco estará totalmente fechado. De acordo com o último estudo de acompanhamento, o buraco diminui de tamanho pouco a pouco e a quantidade de ozônio na atmosfera cresce dia a dia.

14. As árvores geram eletricidade?

Perguntas curiosas

Dois engenheiros elétricos da Universidade de Washington desenharam circuitos nano eletrônicos que convertem 20 milivolts de árvores de maple em 1.1 volts, pouco menos que uma pilha AA. Estes poderiam alimentar sensores para detectar incêndios florestais.

 Desde quando os japoneses comem baleias?

Perguntas curiosas

Os japoneses vem consumindo carne de baleias provavelmente desde o ano 10.000 a.C, mas durante a Segunda Guerra Mundial as atividades baleeiras foram suspensas. Em 1945 o povo japonês estava exausto e desnutrido, e a ocupação liderada pelo general Douglas McArthur permitiu o reinicio das atividades baleeiras a ponto de que, em 1947, quase a metade das proteínas animais consumidas por eles vinham da carne do cetáceo, tendência que se manteve até os anos 60, quando a atividade foi restrita pela redução da população de baleias e a pressão de ecologistas.

 Muita higiene pode acabar com as defesas de uma criança?

Perguntas curiosas

Uma pesquisa da Universidade de Northwestern publicada em 2009 descobriu que os bebês criados em condições de higiene excessiva se tornam adultos com sistemas imunológicos menos eficientes para ativar mecanismos inflamatórios, necessários no combate de doenças infecciosas.

 Por que os carrapatos não tem pai?

Perguntas curiosas

Grande injustiça já que o carrapato tem pai sim, ao contrário da carrapata que pode nascer com ou sem pai. A reprodução nos carrapatos é sexuada interna, com desenvolvimento direto e unissexuada: as fêmeas se formam por partenogênese e os machos por fecundação. Neste tipo de reprodução assexuada, quando os ovos não-fecundados dão origem a fêmeas, é denominada partenogênese telítoca.

 Por que é que primeiro vemos o raio e só depois ouvimos o trovão?

Perguntas curiosas

O relâmpago é a luminosidade produzida quando a eletricidade é lançada de uma nuvem e o trovão é o som do relâmpago. A velocidade da luz é 100 mil vezes mais rápida que a do som; a luz viaja a 300 mil quilômetros por segundo, enquanto que o som viaja a 345 metros por segundo. Desta forma, vemos primeiro a luz, que é mais rápida, e depois vem o som, que não é tão veloz. Por isso se você ver o clarão do raio quase ou simultâneo com o trovão, proteja-se que a coisa pode ficar feia.

 Por que não dói cortar o cabelo?

Perguntas curiosas

O pêlo tem duas partes: raiz e haste. A raiz está dentro da pele (epiderme), numa camada onde está a papila, responsável pelo seu crescimento. As células novas empurram as velhas para cima. Assim elas aos poucos se transformam em haste já mortas. Quando você arranca o pêlo, isso dói, porque tira a raiz que está viva. Agora, quando corta, está se livrando de células mortas.

 Por que é que coramos quando estamos com vergonha?

Perguntas curiosas

Em situações de perigo, alegria ou raiva o cérebro leva sinais até as glândulas supra-renais para produzirem adrenalina. Com isso, os vasos sanguíneos dilatam-se e o sangue circula em maior quantidade. Em regiões onde há mais vasos, como o estômago, rosto e coração, há mais sangue circulando causando o avermelhamento da pele.

6. Sauna emagrece?

Perguntas curiosas

Esta afirmação é falsa. O suor não tem gordura. É apenas líquido que o nosso organismo expele como forma de manter a temperatura equilibrada. É uma forma natural de arrefecimento do organismo. Toda essa água que o nosso organismo expele, é reposta ao bebermos água que é única substância que possui 0 calorias. E se não tem calorias, não engorda. Portanto não só podemos, como devemos beber água sempre que tivermos sede.

 Os exercícios abdominais tiram a barriga?

Perguntas curiosas

A ideia de que exercitar uma determinada musculatura causa a perda de gordura naquele local é errada. Seria muito fácil se fosse assim. A gordura não queima seletivamente. Ao fazermos um exercício, a gordura armazenada nos adipócitos existentes no nosso organismo é acionada. E não é só num determinado local. Além do mais, as atividades que mais favorecem a “queima” de gordura, são as aeróbicas, ou seja, as que usam oxigênio no metabolismo energético. Os exercícios localizados, como os abdominais, ajudam sim no enrijecimento das musculaturas envolvidas para criar o famoso tanquinho.

 Por que é que as pessoas têm chulé?

Perguntas curiosas

Mesmo sem chulé, o pé tem um cheiro característico. Todos os animais produzem certas substâncias no corpo que exalam odor, são as ferormonas. Elas servem para identificar o indivíduo e, em certos animais servem como forma de atração sexual. O chulé aparece quando a pele dos pés é atacada por micróbios que agem juntamente com o suor do corpo causando o odor.

 Por que que às vezes, quando estamos adormecendo, temos a sensação de que caímos?

Perguntas curiosas

Isso é a alucinação hipogênica, o momento exato em que o sono está sendo gerado. Acontecem abalos motores que, quando mais intensos, refletem-se nos músculos, criando a sensação de queda.

 Por que é que algumas pessoas espirram ao olhar para o Sol?

Perguntas curiosas

Esta reação chama-se reflexo cruzado. Qualquer luz forte pode provocá-la. No cérebro, existem 12 pares de nervos que levam mensagens motoras e sensoriais para o sistema nervoso. As mensagens do nervo que cuida da visão passam por vias muito próximas às enviadas pelo nervo do olfato e pelo trigêmeo, que comenda a concentração dos nervos da mucosa nasal. O espirro, então, é inevitável.

 Por que é que algumas pessoas enjoam quando andam de barco?

Perguntas curiosas

O sistema nervoso autônomo, responsável pelos movimentos involuntários do corpo, percebe o balanço da embarcação, em razão das variações consecutivas na posição do labirinto do ouvido, que comanda o equilíbrio do organismo. Isso causa uma série de alterações orgânicas, como vertigens, contração do estômago e secreção dos sucos gástricos, provocando mal-estar e vômitos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s