Boston Dynamics, mostrando que seremos dominados por robôs.

Imagem

No ano de 1984, quando o filme “Exterminador do Futuro” foi lançado as pessoas se perguntavam o quanto de ficção e realidade existia no filme. Afinal quase ninguém possuía um computador em casa, e de repente você vai ao cinema e se depara com máquinas pensantes com aparência e movimentação semelhantes ao de um ser humano.

O filme conta que em algum ponto no passado a Skynet é criada, um sistema computadorizado de inteligência artificial projetado para realizar as mais incríveis funções. Com o passar dos anos o sistema ganha autonomia e passar a tomar suas próprias decisões, decidindo por exterminar a raça humana.

Atualmente se uma empresa pudesse criar a Skynet, esta seria a Boston Dynamics, uma empresa americana especializada em engenharia robótica que a cada dia mais aproxima a ficção dos filmes a nossa realidade.  A empresa foi fundada por uma equipe de pesquisadores do Instituto de Tecnologia de Massachusetts em 1992, e possui uma equipe técnica extraordinária de engenheiros e cientistas. 

“Estamos mudando o conceito do que as pessoas acham que um robô pode ou não fazer”

O trabalho da Boston é um dos mais avançados na área, seus robôs possuem comportamento aprimorado (mobilidade, agilidade, destreza), todo baseado em sensores e mecanismos complexos. 

Organizações importantes como a DARPA (Agência de Projeto e Pesquisa Avançada de Defesa), o exército, marinha e fuzileiros americanos e até a Sony Corporation buscam na Boston Dynamics aconselhamento e ajuda para criar os robôs mais avançados do planeta.

Imagem

 

 
 

Confira abaixo alguns dos projetos atuais da empresa:

LS3 – Sistema quadrúpede de apoio a tropas

ImagemImagem

O LS3 é um robô projetado para terreno bruto, servindo no transporte a pé de equipamentos e cargas de soldados e fuzileiros. Cada robô carrega aproximadamente 180 quilos de equipamento e combustível suficiente para aproximadamente 30 quilômetros em uma missão de 24 horas de duração.

Ele ainda dispensa controladores específicos, pois consegue seguir um líder automaticamente por visão computadorizada. O protótipo também viaja para locais designados utilizando um sensor GPS.

 

PETMAN

Imagem

O robô PETMAN é antropomórfico, projetado para testar roupas de proteção química. Ele reproduz movimentos ágeis e naturais, para que possam simular como um soldado salienta o vestuário de proteção em condições reais de perigo.

Ao contrário de seus antecessores que tinham um repertório limitado de movimentos e eram suportados mecanicamente, PETMAN se move livremente, caminha, agacha e faz uma variedade de flexões enquanto é exposto a agentes químicos.

Ele também simula fisiologia humana dentro do traje de proteção, controlando temperatura, umidade e transpiração, tudo para proporcionar um ambiente de teste mais próximo da realidade.

 

CHEETAH – O mais rápido de todos

Imagem

 

Cheetah é o robô com pernas mais rápido no Mundo, ultrapassando os 74km/h, um novo recorde de velocidade em terra para robôs.  Ele tem uma coluna articulada que dobra para trás e para frente a cada passo, aumentando o seu passo e corrida, igual o próprio animal faz. A versão atual do robô é testada em uma esteira de alta velocidade alimentado por uma bomba hidráulica e usa um dispositivo de expansão para mantê-lo funcionando no centro da esteira.

A próxima geração do robô, chamado de WildCat, está sendo projetada para operar sem cabos. WildCat recentemente entrou na fase de testes iniciais e está programado para operar testes de campo ainda este ano.

 

BigDog – O robô mais avançado do planeta

Imagem

BigDog é um robô para terreno bruto que anda, corre, escala e carrega cargas pesadas. Ele é alimentado por um motor que aciona um sistema hidráulico. Tem quatro patas que se articulam como um animal, com elementos compatíveis para absorver choques. É do tamanho de cachorro grande ou um pônei.

O computador de bordo do BigDog controla os sensores, a locomoção e gerencia a comunicação com o usuário. Seu sistema equilibrado permiti uma  locomoção e navegação nos mais variados tipos solo. Seus sensores para locomoção incluem posição articular, força conjunta, contato com o solo, carga, um giroscópio, radar de laser e um sistema de visão estéreo.

Há também sensores que focam em seu estado interno, monitoram sua pressão hidráulica, temperatura do óleo, funções do motor, carga da bateria entre outras . O BigDog atinge quase 7km/h, sobe inclinações de até 35 graus, atravessa escombros, anda sobre trilhas enlameadas, efetua caminhadas na neve e na água, e transporta uns 150 quilos de carga.

 

SandFlea – A pulga saltadora

ImagemImagem

O SandFlea pesa menos de 5 quilos e pode se conduzido como um carrinho de controle remoto em terreno plano, mas também pode saltar até 9 metros de altura para superar obstáculos. Seu salto é alto o suficiente para saltar sobre uma parede, o telhado de uma casa, um conjunto de escadas entre outras coisas.

O robô usa estabilização por giroscópio para ficar nivelado durante o voo ou assegurar um pouso suave, proporcionando uma visão clara da câmera acoplada nele. SandFlea pode saltar cerca de 25 vezes com uma única carga.

 

 RHex – “Devorador” de terrenos

Imagem

RHex é um robô de seis patas com alta mobilidade inerente. Seus membros possuem controle independente, criando uma mobilidade incomum e especializada em “devorar” terrenos acidentados, com um controle mínimo do operador. RHex sobe em campos rupestres, lama, areia, vegetação, trilhos de trem, postes, encostas e escadas.

Ele possui um corpo selado, tornando-se plenamente operacional em tempo de chuva, condições lamacentas e pantanosas. RHex é controlado remotamente a partir de uma unidade de controle distâncias (até 700 metros). Câmeras e lanternas oferecem vistas frontal e traseira do robô.

 

 RiSE: O Escalador

Imagem

RiSE é um robô que sobe terrenos verticais, como paredes, árvores e cercas. Ele usa micro-garras para subir em superfícies texturizadas. Mudanças na postura ajudam a se adaptar à curvatura da superfície de escalada e sua cauda o ajuda a equilibrar-se em subidas íngremes. RiSE mede 25cm de altura e pesa 2 kg, chegando a caminhar a 0,3 m/s.

Cada uma das seis pernas é alimentada por um par de motores elétricos. Um computador onboard controla o movimento das pernas, gerencia as comunicações e serviços de uma variedade de sensores, incluindo sensores de posição conjunta, sensores de tensão nas pernas e sensores de contato do pé.

 

 LittleDog – Robô quadrúpede de aprendizado locomotor

ImagemImagem

LittleDog é um robô quadrúpede projetado para pesquisa e aprendizado de locomoção. Cientistas e líderes de instituições usam LittleDog para investigar relações fundamentais entre a aprendizagem motora, controle dinâmico, percepção do ambiente e locomoção em terrenos irregulares.

Cada pata é equipada com três motores elétricos. As pernas têm uma grande amplitude de movimento. O robô é forte o suficiente para escalar e se locomover dinamicamente. Seus sensores possibilitam medir ângulos articulares, correntes de motor, orientação do corpo e contatos dos pés com o solo.

Ele possui transferência de dados sem fio para registro das operações, sua bateria de lítio tem autonomia de 30 minutos de funcionamento.

 

 Atlas – O Robô antropomórfico

Imagem

Atlas é um robô humanoide de alta mobilidade, projetado para terrenos ásperos ao ar livre. Ele é bípede e consegue andar com os membros superiores livres para levantar, carregar e manipular coisas no meio ambiente. Em terreno extremamente desafiador, Atlas é forte e coordenado o suficiente para subir usando as mãos e os pés, escolhendo o seu caminho através de espaços congestionados.

Mãos sensoriais articuladas permitem que Atlas use ferramentas projetadas para humanos. O robô possui hidraulicamente 28 graus de liberdade, mãos, braços, pernas, pés e tronco. Sua cabeça articulada inclui câmeras estéreo e um telêmetro a laser.

Atlas é alimentado a partir de um fornecimento de energia off-board por meio de uma corda flexível.

 

 

 

 
 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s